Meu site está fora do ar?

Meu site está fora do ar?

Há ocasiões de visitarmos nosso site casualmente, ou até mesmo um outro qualquer, e ele simplesmente não carregar. Nossa primeira dedução é “problema no servidor”, mas como constatar este fato antes de recorrer ao suporte de sua Hospedagem de Sites? Antes de entrar em contato com a Hospedagem Segura solicitando suporte, existem alguns testes que você pode fazer previamente. Seu computador está conectado à internet, acessando outros sites normalmente. Através de outros computadores ou dispositivos móveis, também não acessa. Só pode ser no servidor!!

O Cache

Você provavelmente já ouviu falar desse recurso. Ele permite que pequenos dados temporários se armazenem para serem acessados em outro momento oportuno. Esses dados são armazenados à medida que você navega por ambientes e sites, acessa recursos e aplicações nas páginas da web, dessa maneira, num futuro acesso, parte daquele site já estará armazenada, pronta para ser exibida em poucos ms. Mas armazenado onde? Essa parte é um pouco problemática, pois muitos clientes não cogitam a possibilidade de terem cache, ou descartam a possibilidade ao não conseguirem acessar o  site “fora do ar” através de outros dispositivos na mesma rede.

O Cache pode ser armazenado em diversas camadas: Browser (navegador web), Maquina (computador, notebook, smartphones e etc.), no modem de internet, e até mesmo em seu provedor de internet. O cache no provedor de internet possui um horário próprio para ser reiniciado de acordo com a política de cada empresa. Porém, os níveis mais básicos como modem, smartphones  e navegador, podem ser limpados através de um reset ou até mesmo por função do próprio dispositivo.

Para certificar que o problema não é sua conexão, cache ou computador, acesse host-tracker.com e digite o endereço de seu site, clique em “Check” e aguarde alguns instantes. Seu site será verificado e acessado a partir de vários lugares do mundo. Se eles apresentarem o status de OK, significa que o servidor e sites estão acessíveis, e certamente seu computador ou conexão é que estão com dificuldades de acessá-lo por algum motivo.

Existe ainda um outro site para verificar o status de sua Hospedagem de Sites: http://downforeveryoneorjustme.com, como o nome já diz “fora do ar pra todo mundo ou só pra mim?”. O funcionamento é simples: você digita o endereço do site que quer verificar e clica em “just for me?”. Se o site estiver no ar normalmente, aparecerá a mensagem: It’s just you. SEU SITE is up, que quer dizer “Sim, está fora do ar apenas para você. O site ~tal~ está online.

Caso tudo indique que o problema está ocorrendo no servidor de Hospedagem de Sites, não hesite em recorrer à equipe de suporte da Hospedagem Segura, nosso maior objetivo é sempre ajudar o cliente e construir uma boa relação.

Você já passou por uma situação como esta? Conhecia essas técnicas e sites para diferenciar o problema? Deixe-nos sua experiência e opinião sobre o assunto!

 

 

Postagens relacionadas
Guia de segurança Site WordPress

O WordPress é um dos – ou talvez o – CMS mais usado no mundo, construindo quase 26% dos sites atualmente na internet. E como todo produto altamente visado e aclamado, ele também está sob os olhos de hackers e outros “cyber criminosos”.  De acordo com pesquisas feitas pelo WP Scan, 52% das vulnerabilidades do […]

Continuar lendo
Você já conhece nossa Hospedagem CMS Otimizada?

A web é inimaginavelmente extensa, porém qualquer um encontra o que procura, em qualquer lugar do mundo. Cá entre nós, há um meio melhor que a internet para divulgar algo? Se você tem uma ideia brilhante, um projeto inovador ou um portfólio de apresentação de seus trabalhos, não há lugar melhor que a internet. Porém […]

Continuar lendo
Como atualizar seu site e adaptar para a web atual.

Numa era onde as redes sociais como Facebook e Twitter virou rotina, e o uso dos smartphones e tablets para acesso à web está emergindo, a demanda por informação em tempo real e navegação rápida e intuitiva está crescendo em escala exponencial. A tecnologia chegou para todos, e a acessibilidade tenta acompanhar esse ritmo. E […]

Continuar lendo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 1 =